FAPES É PARCEIRA DE REDE NACIONAL DE ENSINO E PESQUISA NO ES

O secretário de Ciência e Tecnologia, Jadir Péla, e Anilton Salles Garcia, diretor presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Espírito Santo (Fapes), participaram na terça-feira (09) do evento que amplia a capacidade de rede óptica acadêmica no Espírito Santo.

A Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) opera um serviço para atender às comunidades acadêmicas e de pesquisa, oferecendo acesso à Internet através dos seus pontos de presença (PoPs) regionais.  A Fapes é uma das instituições estaduais conectada a esse sistema, que inclui ainda a Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), entre outros.

A cerimônia celebra o aumento da capacidade da rede, ampliada em cerca de 280%, que beneficiará diretamente as atividades de pesquisa, ciência, tecnologia e de educação superior. Esse aumento permite às instituições conectadas no Espírito Santo usufruírem de uma infraestrutura de rede de comutação e colaboração equiparada às mais avançadas redes acadêmicas do mundo. Atualmente, a rede interconecta mais de 500 instituições de educação superior e pesquisa no Brasil. No evento, a Fapes firmou parceria para apoiar pesquisas que contribuam para o avanço dessa rede.

O diretor geral da RNP, Nelson Simões, considera positiva a ampliação da rede no Estado. “Desde o momento em que instalamos um ponto de presença no Espírito Santo recebemos apoio de instituições de ensino e pesquisa, tanto municipais quanto estaduais, federais e privadas. O aumento da capacidade da rede vem atender e fortalecer essas parcerias”.

Os pontos de presença da RNP estão disponíveis em todo o País, e propõem-se a manter, operar e coordenar ações na Internet acadêmica. Além disso, o PoP-ES disponibiliza serviços relacionados a manutenção, gerência, ao planejamento e  ao desenvolvimento  de redes avançadas.

Jadir Péla se mostra otimista quanto ao desenvolvimento da rede não só para a área acadêmica, como para toda a sociedade. “No Espírito Santo instalou-se um ambiente muito favorável e receptivo aos benefícios da RNP. Desta forma, tudo o que foi realizado até hoje e as etapas que virão a seguir certamente serão vitoriosas, pois queremos levar o acesso à Internet também ao interior do Estado”, disse o secretário. Anilton Sales Garcia afirmou ainda que a meta é de que até 2014 todos os municípios do Espírito Santo  tenham acesso à Internet.

Fonte: Assessoria de Comunicação da FAPES.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s