Trabalho remoto atinge 144% das metas contratadas

Fonte da Imagem: FreeDigitalPhotos e Joesive47

O INPI divulgou os resultados da primeira avaliação da experiência-piloto de trabalho remoto, relativa ao mês de agosto de 2016, quando as metas de produção alcançaram 144% na média geral. As metas de produção foram superadas nas diretorias de Patentes e Marcas e na área de Recursos e Nulidades (CGREC), conforme mostra o gráfico a seguir. Na Diretoria de Administração (DIRAD), o trabalho é sob demanda e foi 100% executado.

Fazem parte da experiência-piloto 35 servidores, sendo 34 das áreas técnicas e um da área administrativa. O trabalho remoto é uma das ações voltadas para o aumento da produtividade do Instituto, que passa a adotar uma prática já implantada, entre outros, pelo Tribunal de Contas da União (TCU), Tribunal Superior do Trabalho (TST) e Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4).

Trabalho remoto do INPI em agosto-2016.jpg
Fonte da Imagem: INPI

Além das metas de produção, também foram analisados mais dois aspectos: infraestrutura de tecnologia da informação e biopsicossocial (qualidade de vida).  Sessenta e seis por centro dos servidores afirmaram ter sua conexão estável e 89% avaliaram que a infraestrutura local de TI não gerou impacto na produção no mês.

Com relação à qualidade de vida, 94% dos servidores informaram que ela melhorou após o início do trabalho remoto e apenas dois servidores disseram que ainda se encontram em processo de adaptação.


Fonte: INPI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s