Empresas brasileiras têm novas oportunidades para desenvolver pesquisas no exterior

O Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC) abriu duas novas oportunidades para empresas que queiram desenvolver projetos de pesquisa e desenvolvimento (P&D) em parceria com companhias estrangeiras. O MDIC prorrogou as inscrições para a Chamada para Projetos de Cooperação Brasil-Alemanha até 30 de outubro de 2017. Além disso, foi lançado o edital para Projetos de Cooperação Brasil-Reino Unido, aberto até 3 de maio de 2017.

O Programa convida empresas brasileiras a formarem parcerias com empresas estrangeiras para elaborarem propostas de cooperação em P&D que resultem no desenvolvimento de novos produtos, processos ou serviços direcionados à comercialização no mercado doméstico e/ou global. As propostas deverão demonstrar equilíbrio adequado na participação dos parceiros industriais dos dois países, com complementaridade entre as empresas e contribuições de ambos os lados para a pesquisa.

Projetos aprovados poderão contar com financiamento conjunto de instituições de apoio à inovação de ambos os países da parceria. Empresas brasileiras são elegíveis para as linhas de apoio à inovação do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e de subvenção da Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii), caso desenvolvam sua tecnologia em parceria com uma Unidade Embrapii.

Na Alemanha, o Ministério Federal de Economia e Energia financia suas empresas nacionais por meio do Programa Central de Inovação para Pequenas e Médias Empresas (ZIM Program). No Reino Unido, o Innovate UK separou um fundo de £ 2,5 milhões (aproximadamente R$ 10 milhões) para apoiar as empresas britânicas no âmbito dessas parcerias.

A Chamada com a Alemanha é aberta para projetos de todos os setores e possui um sistema de datas-limite internas para recebimento de projetos: 3 de março de 2017, 30 de junho de 2017 e 30 de outubro de 2017.

A Chamada com o Reino Unido é específica para projetos em smart cities, e abrange três grandes áreas: integração e governança de sistemas de uma cidade; infraestrutura urbana e mobilidade inteligente e acessível; e ambientes urbanos sustentáveis. Estão incluídas nesse escopo tecnologias como internet das coisas, big data, smart grids, energia limpa, gestão de água e resíduos e infraestrutura verde.

Para mais informações, www.coooperacaointernacional.mdic.gov.br.


Fonte: Agência Gestão CT&I / ABIPTI, com informações do MDIC

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s